Benefícios do GovernoNotícias

INSS: Ministério da Economia revisa o valor dos benefícios

INSS: Benefícios com valores novos? Entenda

Todos os anos o Ministério da Economia e Trabalho faz uma revisão anual que pode impactar nos benefícios oferecidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social. Foi isso que aconteceu após a revisão deste ano, causando uma alteração nos valores das aposentadorias e pensões dos brasileiros.

 

Atualização faz reajuste dos benefícios

A atualização feita com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor acabou mudando o valor dos serviços oferecidos pelo INSS assim como também do salário mínimo. Esse processo é realizado como uma forma de garantir que os brasileiros não sofram com o aumento da inflação. 

Assim, é possível que os valores oficiais acompanhem as mudanças sociais. Sendo assim, dificilmente o salário mínimo ganho pela grande maioria dos brasileiros estará por baixo dos aumentos recorrentes.

 

Valores após a revisão

Com a revisão do ano de 2022, se estima que o salário mínimo que atualmente é de R$1.212 aumente para R$1.292 a partir de 2023. Ou seja, um aumento de R$80 em relação ao valor atual será aplicado no próximo ano.

Já em relação ao teto salarial, se não houver mudanças, o aumento seria nada menos do que R$454. Assim, o valor máximo atualmente que é de R$7.086 passa para R$7.540.De qualquer forma, considerando o cenário instável que a atualidade mundial vive, ainda podem ocorrer novas mudanças. 

Com a inflação e o dólar variando a todo momento, nada é totalmente seguro e só resta aguardar. Portanto, só será possível ter certeza dos valores definitivos para 2023 no fim do ano quando o Ministério de Economia fizer um comunicado oficial. 

Seja para uma confirmação da informação atual ou por conta de novas mudanças, tudo indica que até dezembro não haverá decisões permanentes. Para finalizar, indicamos a leitura do artigo Aposentado tem direito ao seguro de desemprego e ao PIS? Entenda.

 

Referências:

https://editalconcursosbrasil.com.br/noticias/2022/09/economia-faz-revisao-que-altera-o-valor-das-aposentadorias-do-inss/