Benefícios do Governo

Saque Extra: Caixa libera saque de até R$ 6 mil do FGTS para determinados grupos

Saque Extra: Caixa libera saque de até R$ 6 mil do FGTS para determinados grupos

Devido às emergências enfrentadas em algumas cidades brasileiras, a Caixa Econômica Federal concedeu a permissão para o saque extra do FGTS pelos residentes afetados. Portanto, baseado nas informações oficiais, a quantia resgatável é de até R$6 mil, apenas para os residentes das regiões de calamidade pública. 

A medida busca ajudar essas pessoas a enfrentarem as dificuldades financeiras decorrentes de situações emergenciais. Mas afinal, quem tem direito a esse saque extra? Como conduzir a solicitação do benefício? Quais os municípios aptos e as os prazos disponíveis? Confira todas as informações e esclareça todas as suas dúvidas referentes ao assunto.

 

O saque do FGTS é válido somente em situações emergenciais

Destaca-se que a autorização para liberação não compete a todos os participantes da cota do FGTS. Sendo, portanto, válido somente em situações emergenciais. Nesse aspecto, algumas situações são aceitas, como no caso de desastres naturais.

Assim, o saque extra ocorre em decorrências como fortes chuvas, deslizamentos de terra, inundações, seca e até mesmo em tempos de pandemia da Covid-19. Para obter mais informações sobre as regras de liberação e a lista de municípios que receberam a concessão do resgate, continue acompanhando.

 

Funcionamento do FGTS

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um benefício concedido por lei aos trabalhadores que possuem carteira assinada, incluindo domésticos, atletas profissionais, temporários, rurais e avulsos. 

Portanto, atua como uma espécie de poupança que promete proteger financeiramente o trabalhador em situações específicas. No entanto, a retirada do dinheiro só é concedida em determinadas circunstâncias previstas por lei como, por exemplo, a aposentadoria, compra do imóvel próprio, demissão sem justa causa, situações de calamidade pública, entre outras.

Sendo assim, o saldo do fundo constitui-se de depósitos mensais efetuados pelo empregador na conta do trabalhador que se liga ao FGTS. 

Dessa forma, essas transações na conta do trabalhador correspondem a 8% da remuneração paga pelo empregador. Entretanto, por se tratar de uma obrigação do empregador, este percentual não é descontado do salário do trabalhador, mas sim representa um benefício.

 

Beneficiários do saque extra

Por certo, para estar apto a receber o benefício do atual lote de liberações dispostas pela Caixa Econômica Federal, é indispensável o cumprimento de certos critérios. Do mesmo modo, o benefício do saque de calamidade de até R $6 mil é permitido para pessoas que possuem um determinado perfil.

Nesse aspecto, são benefícios às pessoas que residem em um município em situação emergencial, dispõem de saldo em conta ativa ou inativa do FGTS e, por fim, que não tenham realizado saques pelo mesmo motivo nos últimos 12 meses.

Em suma, caso preencha os requisitos supracitados, para realizar a solicitação do resgate da bonificação, basta acessar o site ou aplicativo do FGTS, selecionar “Meus Saques”, escolher “Outras Situações de Saques” e selecionar “Calamidade Pública” como razão do resgate.

 

Lista de municípios com saque extra liberado

Nesse sentido, confira agora a lista de municípios que já podem realizar o saque calamidade, com os respectivos prazos para a realização do pedido, veja abaixo:

 Santa Catarina

  • Ascurra : solicitar até 17/05/23
  • Balneário Camboriú: solicitar até 20/04/23
  • Balneário Piçarras: solicitar até 30/04/23
  • Camboriú: solicitar até 09/05/23
  • Corupá: solicitar até 05/06/23
  • Dona Emma: solicitar até 25/05/23
  • Gaspar: solicitar até 18/04/23
  • Itajaí: solicitar até 30/04/23
  • Rodeio: solicitar até 09/05/23
  • Itapema: solicitar até 04/05/23
  • Navegantes: solicitar até 01/05/23
  • Penha: solicitar até 16/04/23
  • Porto Belo: solicitar até 18/04/23
  • Rio Negrinho: solicitar até 18/05/23

 São Paulo

  • Bertioga: solicitar até 21/05/23
  • Campinas: solicitar até 03/05/23
  • Caraguatatuba: solicitar até 21/05/23
  • Guarujá: solicitar até 21/05/23
  • Ilhabela: solicitar até 21/05/23
  • Itaquaquecetuba: solicitar até 29/05/23
  • Lins: solicitar até 01/05/23
  • Morungaba: solicitar até 23/04/23
  • São Luiz do Paraitinga: solicitar até 07/06/23
  • São Sebastião: solicitar até 21/05/23
  • Sorocaba: solicitar até 29/05/23
  • Tatuí: solicitar até 14/05/23
  • Taubaté: solicitar até 29/05/23
  • Ubatuba: solicitar até 21/05/23

 Rio de Janeiro

  • Aperibé: solicitar até 30/04/23
  • Bom Jesus de Itabapoana: solicitar até 28/05/23
  • Cambuci: solicitar até 09/05/23
  • Engenheiro de Paulo de Frontin: solicitar até 11/05/23
  • Itaocara: solicitar até 04/05/23
  • Santo Antônio de Pádua: solicitar até 27/04/23
  • São Gonçalo: solicitar até 04/06/23

 Minas Gerais

  • Camanducaia: solicitar até 28/05/23
  • Cataguases: solicitar até 03/05/23
  • Dona Euzébia: solicitar até 03/05/23
  • Governador Valadares: solicitar até 18/05/23
  • São Sebastião de Bela Vista: solicitar até 30/04/23
  • Cruzeiro do Oeste: solicitar até 24/04/23
  • Nova Laranjeiras: solicitar até 07/06/23

Rio Grande do Sul

  • Harmonia: solicitar até 17/05/23
  • Palmitinho: solicitar até 20/04/23
  • Vista Alegre: solicitar até 16/04/23

Espírito Santo

  • Bom Jesus do Norte: solicitar até 11/05/23
  • Nova Venécia: solicitar até 27/04/23

Bahia

  • Jacobina: solicitar até 04/05/2023

Assim, a Caixa proporciona diversas maneiras de ajudar os brasileiros durante um período   de demanda emergencial e a liberação de saques de até R $6 mil é uma das iniciativas adotadas pelo banco.

Logo, se você se enquadra como beneficiário, cumprindo requisitos como a residência em   em locais emergenciais, bem como saldo em conta ativa ou inativa do FGTS, por exemplo, e está precisando de recursos financeiros extras, não perca tempo e aproveite a oportunidade o quanto antes. 

Seja como for, também não esqueça também da verificação do município em que o saque está disponível, junto ao prazo de solicitação. Além disso, se mantenha atento às informações oficiais divulgadas pela Caixa para evitar golpes e fraudes.

Caso a notícia tenha esclarecido suas dúvidas, lembre-se de compartilhar com seus amigos e familiares e os deixe informados sobre quem está apto para o recebimento do benefício, bem como o prazo para o saque. Você também pode se informar aqui no Mob Notícias sobre as novas formas de uso do FGTS para a compra de imóveis.

 

 

 

Referências:

Caixa libera saque de até R$ 6 mil para certo grupo de brasileiros – Rede Jornal Contábil – Portal de Notícias (jornalcontabil.com.br)